Análise: A Noviça Rebelde, 1965


Contexto histórico e social

O filme A Noviça Rebelde foi lançado em 1965, em um momento em que a sociedade americana estava passando por profundas mudanças. A Guerra Fria estava em seu auge, e os Estados Unidos estavam preocupados com a ameaça do comunismo. O país também estava passando por uma revolução cultural, com o surgimento de movimentos como o feminismo e os direitos civis.

Gênero e estilo

A Noviça Rebelde é um musical, mas também é um drama romântico e uma comédia. O filme é uma mistura de gêneros, que inclui elementos de religião, história e cultura popular.

O filme é conhecido por sua trilha sonora, que é uma das mais populares de todos os tempos. A trilha sonora inclui canções como "Do-Re-Mi", "My Favorite Things" e "The Sound of Music".

Personagens

Os personagens principais do filme são:

  • Maria: Uma noviça que é enviada para cuidar dos sete filhos do capitão Von Trapp. Ela é uma mulher alegre e espontânea que ama a música.
  • Capitão Von Trapp: Um viúvo que é pai de sete filhos. Ele é um homem rigoroso e autoritário que tenta controlar seus filhos.
  • The Baroness: Uma mulher rica que está interessada em se casar com o capitão Von Trapp. Ela é uma mulher manipuladora e cruel que fará qualquer coisa para conseguir o que quer.

Estrutura e enredo

O filme é dividido em três atos. O primeiro ato apresenta Maria e o capitão Von Trapp e mostra como eles se apaixonam. O segundo ato explora o relacionamento deles e os obstáculos que eles enfrentam. O terceiro ato mostra o clímax e o final da história.

O enredo do filme é uma história de amor clássica. Maria e o capitão Von Trapp se apaixonam, mas seu amor é proibido. Eles devem superar obstáculos pessoais e políticos para estar juntos.

Narrador e ponto de vista

O filme não tem um narrador explícito. O ponto de vista do filme é subjetivo e é baseado na perspectiva de Maria.

Período histórico

A Noviça Rebelde é ambientado na Áustria dos anos 1930, durante o período da ascensão do nazismo. O filme explora temas como a importância da família, da liberdade e da resistência ao fascismo.

Importância e relevância social

A Noviça Rebelde é um filme importante por diversos motivos. Em primeiro lugar, é um exemplo bem-sucedido de um musical. O filme combina elementos de música, dança e drama para criar uma experiência cinematográfica única.

Em segundo lugar, o filme explora temas importantes, como a família, o amor e a liberdade. O filme é uma celebração da vida e da importância dos valores humanos.

Resenha crítica

A Noviça Rebelde é um filme clássico que continua a ser popular até hoje. O filme é um triunfo da música, da dança e da atuação.

Julie Andrews é perfeita como Maria. Ela cria uma personagem que é ao mesmo tempo alegre e sensível. Christopher Plummer também é excelente como o capitão Von Trapp. Ele cria um personagem que é ao mesmo tempo autoritário e apaixonado.

A trilha sonora do filme é um dos seus pontos fortes. As canções são memoráveis e ajudam a contar a história do filme.

A Noviça Rebelde é um filme que ficará para sempre na memória do público. É um filme que é ao mesmo tempo emocionante e inspirador. É um filme que celebra o poder do amor e da família.

Biografia do diretor

Robert Wise nasceu em Winchester, Indiana, em 1914. Ele começou sua carreira como assistente de direção em Hollywood na década de 1940. Em 1949, dirigiu seu primeiro filme, The Set-Up.

Wise dirigiu mais de 40 filmes ao longo de sua carreira. Ele é mais conhecido por seus filmes musicais, como West Side Story (1961), The Sound of Music (1965) e Star! (1968).

Wise ganhou nove prêmios Oscar, incluindo dois prêmios de melhor diretor. Ele foi homenageado com um Oscar honorário em 1998 por suas contribuições ao cinema.

Wise morreu em 2005, aos 91 anos. Ele é considerado um dos maiores diretores de todos os tempos.

Nenhum comentário

Postar um comentário

© all rights reserved
made with by templateszoo