[RESENHA #1014] O showman: Os bastidores da guerra que abalou o mundo e forjou a liderança de Volodymyr Zelensky, de Simon Shuster

Foto: Arte digital

APRESENTAÇÃO

Das coxias dos programas de auditório na Ucrânia às trincheiras da guerra contra a Rússia, Simon Shuster, jornalista correspondente da revista Time, retrata a vida e a liderança em tempos de guerra do presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky. Baseado em quatro anos de reportagem, extensivas viagens ao front com o presidente e dezenas de entrevistas com ele, a esposa, os amigos e inimigos, os conselheiros, os ministros e os comandantes militares, O showman conta a história intimista e reveladora da evolução de um comediante a símbolo de resiliência, e de como ele conseguiu o apoio de tantos Estados democráticos à sua causa.

Realista sobre as falhas iniciais de Zelensky em garantir a paz e sobre sua disposição para silenciar dissidências políticas, o livro faz um retrato complexo de um homem lutando para romper o que considera um ciclo histórico de opressão, iniciado muitas gerações antes da sua. Mesmo com o avanço da guerra, Zelensky não deixa de lado a sua visão para o futuro do combate e, por meio de suas ações, cria estratégias surpreendentes para conter os russos e manter o Ocidente ao seu lado.

Como reportagem, O showman oferece a perspectiva essencial de testemunha ocular da história sobre um dos principais conflitos que definem o nosso tempo. Como estudo de liderança e determinação do ser humano, é um livro atemporal e universal.


RESENHA


Foto: Arte digital

Nove meses após a invasão em grande escala da Ucrânia pela Rússia em 2022, o correspondente da revista Time, Simon Shuster, foi convidado a entrar no comboio presidencial, onde poucos jornalistas haviam estado antes. Este acesso não implica que “Showman” seja uma biografia, embora fale abertamente da ascensão de Zelensky ao poder, o início da guerra, os problemas da Ucrânia contra a Rússia e as divergências políticas. Shuster fornece uma visão única dos bastidores da liderança de um país em guerra, com foco em Zelenskyy, que passou de artista satírico a presidente durante um período tumultuado em sua nação. O livro equilibra respeito e simpatia por esse homem corajoso e empático, enfrentando enormes desafios para proteger seu país, com uma visão crítica necessária a qualquer líder com tamanho poder e responsabilidade, que inevitavelmente cometerá erros de consequências duradouras.


A biografia do Showman é mais detalhada e profunda do que a maioria dos jornalistas conseguem obter dos políticos. Shuster é um biógrafo honesto e experiente, nascido em Moscou e criado nos EUA. Ele foi o primeiro repórter estrangeiro a chegar à Crimeia durante a tomada de Putin em 2014 e passou meses na equipe presidencial de Zelenskiy após sua eleição.


Apesar de seu relacionamento próximo com Zelenskiy, Shuster mantém sua integridade jornalística, escrevendo sobre os desafios e contradições do presidente. Ele destaca a coragem de Zelenskiy em enfrentar a invasão russa e sua determinação em manter a Ucrânia independente. No entanto, a posição política de Zelenskiy é desafiada pela crescente influência de Putin e pela falta de apoio dos EUA.


Enquanto Zelenskiy continua sua luta pela soberania ucraniana, a narrativa da biografia destaca sua busca por paz e seu desejo de negociar com Putin, mesmo após as atrocidades cometidas pelas forças russas. No entanto, a realidade brutal da guerra sugere que a paz será difícil de alcançar e que a Rússia continuará a representar uma ameaça para a Ucrânia.


Apesar dos desafios e sacrifícios, Zelenskiy permanece determinado em seu objetivo de livrar a Ucrânia da influência russa. Sua coragem e liderança são elogiadas, mas o preço da guerra tem sido alto. Enquanto a União Europeia e a OTAN podem oferecer alguma estabilidade futura, a batalha pela independência continuará a ser árdua e incerta.


O livro "O Showman: Os bastidores da guerra que abalou o mundo e forjou a liderança de Volodymyr Zelensky" de Simon Shuster é uma leitura poderosa e envolvente que nos leva para dentro dos bastidores de um dos momentos mais cruciais da história contemporânea.


A narrativa do livro é instigante e muito bem construída, conseguindo capturar a complexidade dos eventos que levaram à ascensão de Volodymyr Zelensky ao cargo de presidente da Ucrânia. A partir de uma abordagem jornalística minuciosa, Shuster nos apresenta não apenas os fatos, mas também os personagens envolvidos e as nuances políticas e sociais que moldaram esse cenário.


A capacidade do autor de contextualizar os eventos dentro de um panorama mais amplo, abordando a geopolítica e as relações internacionais, enriquece ainda mais a leitura e nos permite compreender a magnitude do impacto que a guerra teve não apenas na Ucrânia, mas em todo o mundo.


Além disso, a escrita de Simon Shuster é fluida e envolvente, tornando a leitura do livro uma experiência realmente cativante. A pesquisa detalhada e a profundidade com a qual ele aborda os temas fazem com que "O Showman" se destaque como uma obra de grande relevância para quem deseja entender melhor os desdobramentos da guerra na Ucrânia e o papel desempenhado por Zelensky.


Em suma, "O Showman: Os bastidores da guerra que abalou o mundo e forjou a liderança de Volodymyr Zelensky" é um livro essencial para aqueles interessados em política internacional, jornalismo investigativo e história contemporânea. Uma leitura que impacta, provoca reflexões e nos faz questionar sobre os desafios da liderança em tempos de crise. Recomendo fortemente a todos que buscam uma leitura instigante e esclarecedora.


Nenhum comentário

Postar um comentário

© all rights reserved
made with by templateszoo